Dollar R$ 5,17 Euro R$ 5,62
Dollar R$ 5,17 Euro R$ 5,62

Cidades Terça-feira, 22 de Novembro de 2022, 17:45 - A | A

Terça-feira, 22 de Novembro de 2022, 17h:45 - A | A

MÊS DA CONSCIÊNCIA NEGRA

Programação cultural até o dia 30 na Casa das Pretas

Exposição “Grande Heroínas Negras”

Assessoria de Imprensa

Hoje a partir das 19 horas, o Centro de Cultura Casa das Pretas abre suas portas para apresentar a exposição “Grandes Heroínas Negras". A exposição foi organizada pelo Coletivo Negro Universitário (CNU) UFMT. A entrada é grátis e fica aberta ao publico até o dia 25, sexta-feira.

Na exposição, os visitantes terão a oportunidade de conhecer um pouco mais da história das heroínas negras do Brasil e de Mato Grosso. O evento faz parte das celebrações alusivas ao mês da consciência negra.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

De Mato Grosso vamos relembrar a história de Teresa de Benguela, liderança quilombola, “Rainha Teresa” liderou o Quilombo do Quariterê após a morte de João Piolho. O quilombo
prosperou a partir de 1730 chamado de Quilombo do Piolho pelas autoridades por ser comandado por um negro apelidado de José Piolho.

Segundo pesquisadores, a liderança de Tereza era tão categórica que grupos indígenas das cercanias, igualmente perseguidos, vieram se abrigar junto aos negros rebelados. Em 1770, o quilombo não resistiu ao ataque da tropa de Luís Pinto de Souza Coutinho, e foi dizimado.

Também Carolina Maria de Jesus, escritora brasileira que se destacou por seus relatos em forma de diários sobre sua dura realidade na favela. É autora do livro “Quarto de Despejo” onde relata sua história de vida, repleta de luta, superação e sofrimento - tratava-se de uma mulher, negra e favelada no Brasil do século XX.

A Exposição

O evento faz parte das celebrações do mês da consciência negra. “Para realização da nossa agenda, foi necessária uma articulação entre coletivos, instituições e a própria Secel, mais uma vez juntando força para promover a valorização da cultura negra dentro de Mato Grosso”, disse a professora Antonieta Costa, a Nieta.

Confira as atividades

22 a 25 de novembro, das 14h às 18h

Exposição Grandes Heroínas Negras - Coletivo Negro Universitário (CNU), em parceria com o Museu de Arte e de Cultura Popular da UFMT (MACP)

22 de novembro, às 19h

Apresentação: 1ª parte da Reforma Preservar e ações do projeto "Pretas em Movimento"

23 de novembro, às 19h
FavelAtiva - Festa de Hip- Hop e Apresentação da Ballroom MT

24 de novembro, às 19h
Exibição do filme: Intersecção - A História de Quem Migra - Rodrigo Zaiden

25 de novembro, a partir das 19h
Show de Gê Lacerda em comemoração ao novembro negro

26 de novembro, às 10h
Encontro RENAFRO: As plantas e o Sagrado

Entrada: 1kg de alimento não perecível

Retirada de ingressos: 24 e 25/11 na Casa das Pretas

27 de novembro, das 9h às 20h
Atividades Ballroom MT

29 de novembro, às 19h

Exibição dos filmes “A velhice Ilumina o Vento”, “Farinha, Festas e memórias”, “As mãos Beneditas de Justina” e “Pandorga”, do Coletivo Quariterê

30 de novembro, às 10h30
Visita dos Defensores Públicos

30 de novembro, às 19h

Formação: Afroempreendedorismo e produção cultural - Movimento Vambora

Mais informações: Nieta: (65) 9255-6863

 

 

search