Dollar R$ 5,11 Euro R$ 5,55
Dollar R$ 5,11 Euro R$ 5,55

Polícia Sexta-feira, 23 de Fevereiro de 2024, 10:49 - A | A

Sexta-feira, 23 de Fevereiro de 2024, 10h:49 - A | A

AÇÃO RÁPIDA

Homem rouba joalheria no interior e foge para Várzea Grande

Polícia Militar prendeu e recuperou produtos

Hallef Oliveira | PMMT

Policiais militares da Força Tática do 2º Comando Regional prenderam um homem de 35 anos pelo crime de roubo, na noite desta quinta-feira (22.02), em Várzea Grande. Na ação, foram recuperados produtos roubados de uma joalheria de Barra do Bugres. Uma arma de fogo foi apreendida.

Conforme o boletim de ocorrência, as equipes policiais do 2º CR receberam informações de que suspeitos de um roubo a uma joalheria de Barra do Bugres estavam fugindo em uma caminhonete Amarok, pela BR-163, em direção a Cuiabá.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

Segundo as informações, os criminosos invadiram o estabelecimento armados, anunciaram o crime e trancaram os funcionários da loja dentro de um depósito. Os suspeitos retiraram diversos objetos de valor das vitrines do estabelecimento, como relógios e joias, e fugiram em uma caminhonete, que foi identificada por meio de câmeras de monitoramento da loja.

Em diligências, os policiais da Força Tática fizeram barreiras pela rodovia, onde foi possível encontrar o veículo. Os militares iniciaram procedimento de abordagem, mas os suspeitos fugiram em alta velocidade e sofreram um acidente, colidindo com outra caminhonete no bairro Santa Isabel.

Os criminosos abandonaram o veículo e fugiram a pé. Os militares receberam informações de que um deles estava escondido em uma distribuidora, no mesmo bairro. No local, o suspeito foi encontrado escondido no banheiro, com um revólver calibre .38 e uma bolsa contendo oito relógios, pares de brincos, colares e anéis.

Questionado, o suspeito confessou envolvimento no crime e que os objetos seriam da joalheria de Barra do Bugres. O criminoso não soube informar para qual direção os outros criminosos teriam fugido.

O homem recebeu voz de prisão em flagrante e foi conduzido para a Central de Flagrantes, com todo o material recuperado, para registro da ocorrência. As equipes policiais seguem na busca dos outros suspeitos envolvidos no crime.

Disque-denúncia

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, sem precisar se identificar, por meio do 190, ou disque-denúncia 0800.065.3939.

search