Dollar R$ 5,17 Euro R$ 5,61
Dollar R$ 5,17 Euro R$ 5,61

Esportes Terça-feira, 29 de Novembro de 2022, 07:10 - A | A

Terça-feira, 29 de Novembro de 2022, 07h:10 - A | A

MERCADO DA BOLA

A dupla trairagem na troca de Dorival Jr por Vitor Pereira no comando do Flamengo

Daniel Guimarães

Repórter | Estadão Mato Grosso

Após não renovar o contrato de Dorival Júnior, o Flamengo saiu em busca do ex-comandante do Corinthians, Vítor Pereira, para treinar a equipe a partir de 2023 e também na disputa do Mundial de Clubes. O Rubro Negro e o português já estão com conversas avançadas para um possível acerto.

O clube carioca resolveu trocar o comando técnico apesar do bom aproveitamento de Dorival, que conquistou o tricampeonato da Libertadores e o tetra da Copa do Brasil. Dorival disputou 43 jogos com o Flamengo, conquistando 26 vitórias, oito empates e nove derrotas, com 54% de aproveitamento.

O Flamengo chegou a negociar a permanência de Dorival para 2023 e até acertou os valores, mas decidiu ‘cozinhar’ o técnico enquanto negociava com Vitor Pereira. A informação vazou para a imprensa e Dorival passou a se sentir desprestigiado e insatisfeito com a atitude do clube, o que o levou a anunciar sua saída.

É a segunda vez que Dorival Júnir é escanteado pelo Rubro Negro em quatro anos. Em 2018, o técnico assumiu o clube em situação delicada no Brasileirão e deixou a equipe com o vice-campeonato, mas a diretoria decidiu trocá-lo por Abel Braga.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

Desta vez, Dorival não esperava sair após ter conquistado dois títulos importantes. Para piorar a situação, o presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, disse em entrevista coletiva após vencer a Copa do Brasil, que contava com Dorival para 2023 e que a permanência dependeria da vontade do treinador.

“Depende dele [Dorival]. Vamos conversar com ele. O contrato envolve duas partes. Mas, estamos muito felizes com o trabalho. É um técnico de altíssima qualidade e tem qualidades muito importantes de relacionamento com o grupo. É uma pessoa fora do normal”, afirmou.

Além das tuas taças trazidas por Dorival, o treinador deixou o clube com sete vitórias em sete jogos na Libertadores. Na Copa do Brasil, foram seis vitórias, três empates e apenas uma derrota.

A ida de Vítor para o Flamengo também deixou os corinthianos com a sensação de terem sido traídos pelo treinador, pois o português disse, logo que saiu do clube, que não permaneceria no Corinthians porque precisava cuidar da saúde de sua sogra em Portugal.

“Sinto-me muito triste, queria continuar este projeto, mas não tenho hipótese nenhuma. Não vou para clube nenhum, não vou para canto nenhum. Vou para casa, tenho que ajudar a estabilizar um pouco o processo da doença da minha sogra, que está a viver na minha casa”, disse. 

*Estagiário sob supervisão do editor Gabriel Soares

search