Dollar R$ 5,11 Euro R$ 5,55
Dollar R$ 5,11 Euro R$ 5,55

Política Segunda-feira, 21 de Novembro de 2022, 17:41 - A | A

Segunda-feira, 21 de Novembro de 2022, 17h:41 - A | A

COP-27

"MT está preparado para receber investimentos internacionais e efetivar medidas de conservação”, diz Russi

Da Redação

Redação | Estadão Mato Grosso

O deputado Max Russi (PSB) avalia que Mato Grosso está apto a receber investimentos da comunidade internacional, por ser um Estado que mantém bons índices de produção e preservação. São 62% do território inteiramente preservado. O parlamentar integra a comitiva do governador Mauro Mendes (UB), que participa da 27ª conferência do clima da Organização das Nações Unidas, a COP 27.

“Estamos aqui para reforçar o nosso potencial de produção e preservação para ajudar o mundo”, reforçou.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

Um dos eixos temáticos discutidos na Cop27, no início da semana, explorou o tema “Financiamento climático: o papel da cooperação internacional para o desenvolvimento de baixas emissões na Amazônia”.

“Mato Grosso é um Estado preparado, autossuficiente e apto a receber investimentos da comunidade internacional e efetivar ainda mais as medidas de conservação”, reforça o deputado.

Cinco dos nove governadores que compõem o Consórcio Interestadual da Amazônia Legal estão participando dos debates.

Legislativo na Cop27

Autor de 6 leis dedicadas a preservação ambiental, o primeiro-secretário da Assembleia Legislativa já vinha defendendo a implementação de investimentos para práticas sustentáveis durante a Cop 26, que aconteceu no ano passado em Glasgow, na Escócia.

Na atual edição da conferência climática, outro ponto de debate foi em relação a preservação e combate ao desmatamento.

O deputado Max Russi foi autor da Lei Lei Ordinária nº 10979 de 2019, que proíbe a queima de pneus, borrachas, plásticos e correlatos.

Para o parlamentar, sua participação na discussão climática mundial tem sido fundamental para o fortalecimento do parlamento no amplo das decisões e formatação de medidas, que reforcem Mato Grosso com um Estado sustentável e que tem feito a sua parte, quanto a preservação.

“Entendo que promover a sustentabilidade é fundamental, no entanto precisamos continuar atentos a tudo que afeta o nosso meio ambiente e assim possamos seguir contribuindo com o mundo”, complementou.

search