Dollar R$ 5,45 Euro R$ 5,83
Dollar R$ 5,45 Euro R$ 5,83

Política Quarta-feira, 17 de Novembro de 2021, 10:45 - A | A

Quarta-feira, 17 de Novembro de 2021, 10h:45 - A | A

TRANSPORTE PÚBLICO

Mauro prevê facilidade para implantar BRT em Cuiabá com Stopa na Prefeitura

Jefferson Oliveira

Repórter | Estadão Mato Grosso

Felipe Leonel

Repórter | Estadão Mato Grosso

O governador Mauro Mendes (DEM) afirmou nesta quarta-feira (17) que terá mais tranquilidade para viabilizar as obras do BRT (Bus Rapid Transit) em Cuiabá com o afastamento do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) e a posse do vice José Roberto Stopa (PV). Os dois gestores estiveram reunidos na noite dessa terça-feira (16), após quase um mês de afastamento de Emanuel, para tratar de investimentos na capital.

Apesar de ter um relacionamento conturbado com Emanuel, Mauro tem bom trânsito com Stopa, que foi secretário de Serviços Urbanos enquanto Mauro era prefeito de Cuiabá.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

Desde que o governo do Estado decidiu trocar o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) pelo BRT, Emanuel travou uma batalha jurídica para manter o modal de transporte, mas perdeu todos os recursos contra a mudança. Emanuel chegou a tentar emplacar um plebiscito para a população cuiabana decidir o modal de transporte. A consulta foi aprovada pela Câmara Municipal, mas acabou barrada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT).

Nesse 'meio-tempo', equipes do governo estadual têm conduzido os processos para a troca do modal, que incluem uma renegociação do empréstimo realizado junto à Caixa Econômica Federal (CEF) para a construção do VLT. No entanto, além das dificuldades políticas impostas pela rixa entre Mauro e Emanuel, a pandemia também atrapalhou a condução dos trabalhos, devido às infecções entre a equipe técnica do governo.

“Isso atrapalhou muito, penalizou muito a administração pública durante esse período. Com o Stopa, acredito que nós teremos tranquilidade para trabalhar”, disse Mauro, durante entrega de viaturas às forças de segurança.

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

Mauro ainda disse estar fazendo tudo que está ao seu alcance para dar celeridade aos processos, mas prefere “sempre o longo caminho curto, ou seja, demora um pouco, mas faz certo”. A fala é uma forma de se referir à burocracia necessária para um investimento desse porte, que incluem audiências públicas e uma série de estudos técnicos.

search