Dollar R$ 5,43 Euro R$ 5,95
Dollar R$ 5,43 Euro R$ 5,95

Política Domingo, 20 de Dezembro de 2020, 16:18 - A | A

Domingo, 20 de Dezembro de 2020, 16h:18 - A | A

RESPONDEU MARCREAN

Juca rebate colega, nega Câmara submissa e interferência de Emanuel

Lisiane dos Anjos
Mídia News

O vereador reeleito Juca do Guaraná (MDB), que tenta assumir o comando do Legislativo cuiabano, afirmou que, caso seja eleito, o fato de ser do mesmo partido do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) não irá afetar a independência de atuação da Casa de Leis.

A declaração foi dada ao MidiaNews como resposta à fala do colega dele, Marcrean Santos (PP), que também compõe a base aliada do prefeito e disputa o cargo de presidente da Câmara.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

Marcrean disse que ter no comando dos poderes Executivo e Legislativo pessoas do mesmo partido poderia causar um “desequilíbrio” e afetar na autonomia do Parlamento.

“Respeito a opinião dele, mas essa fala dele é tão sem consistência quanto uma bolha de sabão. Os poderes são harmônicos e independentes. O prefeito sequer deu uma opinião sobre Mesa”, disse.

“Ele não quer interferir, está preocupado com Cuiabá e com a Covid. Seria até injusto alguém que pleiteia a Mesa Diretora dar essa responsabilidade ao prefeito”, completou Juca.

O emedebista ainda citou, como exemplo em sua defesa, o fato de o governador Mauro Mendes e o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho, serem ambos do Democratas e alfinetou o colega, afirmando que Marcrean é um grande apoiador de Botelho.

“Mauro Mendes e Eduardo Botelho são do mesmo partido e não tem problema algum. Parece que dá certo ambos serem do DEM. Marcrean é cabo eleitoral do Botelho. Acho que não fica uma semana sem ir ao gabinete do Botelho. Pergunta se ele já falou isso para o deputado”, cutucou.

 Juca afirmou, ainda, que seguirá tentando convencer o colega da base a desistir da disputa e se unir a ele em uma única chapa e que um anúncio deve ser feito na segunda-feira (21).

Ele citou que os dois possuem similaridades políticas, como, por exemplo, o fato de estarem no terceiro mandato e possuírem a mesma base eleitoral, e que uma composição com ambos seria ainda melhor para o comando da Casa.

Oposição

Além de Marcrean e Juca, também pleiteia o cargo de presidente do Legislativo Cuiabano o vereador reeleito Diego Guimarães (Cidadania), que faz forte oposição ao prefeito.

À reportagem, Diego chegou a afirmar que não vê possibilidade alguma de compor chapa com membros da base aliada a Emanuel e afirmou que se mantém como candidato ao cargo.

search