Dollar R$ 5,44 Euro R$ 5,85
Dollar R$ 5,44 Euro R$ 5,85

Política Sexta-feira, 26 de Novembro de 2021, 22:17 - A | A

Sexta-feira, 26 de Novembro de 2021, 22h:17 - A | A

VEJA VÍDEO

Emanuel agradece Stopa e avisa: segunda-feira estarei de volta

Da Redação

O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) publicou um vídeo em seu perfil no Instagram após retornar à Prefeitura de Cuiabá nesta sexta-feira (26). Afastado há 37 dias do cargo, o emedebista apareceu ao lado do vice-prefeito José Roberto Stopa e falou com os cuiabanos.

"Vocês não imaginam a minha alegria, minha emoção e felicidade de poder estar sendo reconduzido ao cargo que Deus me honrou e o povo cuiabano elegeu. Eu queria, nesse momento de muita emoção, estar com todo mundo ao mesmo tempo [...], queria estar falando com cada um de vocês, mas agora é um momento de prudência", disse Emanuel.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)
Nesta sexta, o desembargador Luiz Ferreira da Silva, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), determinou o retorno ao Alencastro. Em sua decisão, ele alertou ao gestor para se abster de fazer contratações sem devido interesse público, sem processe seletivo e sem justificativas.

Eventuais contratações que desrespeitem os princípios constitucionais da moralidade, da impessoalidade e eficiência, serão consideradas como continuidade delitiva dos supostos crimes que levaram ao afastamento de Emanuel, no dia 19 de outubro deste ano.

Além de implicar em outro afastamento, o prefeito corre risco de ser preso em caso de reiteração delitiva.

Emanuel agradeceu ao vice e avisou que na segunda-feira já estará na ativa. "Agradecer ao meu parceiro, amigo e vice-prefeito de Cuiabá, que honrou o nosso compromisso com o povo cuiabano nesse período de crise institucional. Quero anunciar que na segunda, vou dar uma coletiva de imprensa e poderei abraçar meus amigos jornalista e falar do jeito que eu gosto, olho no olho", falou.

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

OPERAÇÃO CAPISTRUM

A Operação Capistrum foi deflagrada pela Delegacia Especializada de Combate à Corrupção (Deccor) e pelo Ministério Público no dia 19 de outubro. Foram alvos da operação, além de Emanuel e a primeira-dama Márcia Pinheiro, o então chefe de gabinete de Emanuel, Antonio Monreal Neto, Ivone de Souza (secretária-adjunta de Governo e Assuntos Estratégicos) e Ricardo Aparecido Ribeiro (ex-coordenador de Recursos Humanos).

Veja vídeo

 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 

Uma publicação partilhada por Emanuel Pinheiro (@emanuelpinheiromt)

search