Dollar R$ 5,40 Euro R$ 5,79
Dollar R$ 5,40 Euro R$ 5,79

Cidades Segunda-feira, 25 de Outubro de 2021, 10:43 - A | A

Segunda-feira, 25 de Outubro de 2021, 10h:43 - A | A

EVENTO HÍBRIDO

Segunda fase do programa PlanificaSUS Mato Grosso começa nesta terça

Evento ocorrerá de forma híbrida, com transmissão pelo canal TeleEduca Mato Grosso, no YouTube

Rose Velasco | SES-MT

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) promoverá, nesta terça-feira (26.10), um workshop de abertura da segunda fase do programa PlanificaSUS Mato Grosso. O evento contemplará a Região de Saúde Sul Mato-grossense e ocorrerá de forma híbrida a partir das 8h30, no Auditório do SEST/SENAT, do município de Rondonópolis, e com transmissão pelo canal TeleEduca Mato Grosso, no YouTube.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

No workshop, haverá palestra do professor e dentista Eugênio Vilaça Mendes, que abordará o tema “O papel da atenção primária à saúde e da atenção ambulatorial especializada na organização da Rede de Atenção à Saúde no SUS”.

A Região Sul Mato-grossense foi selecionada e aprovada pela Comissão Intergestores Bipartite (CIB-MT) como a primeira região no Estado a implantar o PlanificaSUS.

O processo teve início com o workshop de abertura da primeira fase, em julho de 2019, no município de Rondonópolis, onde ocorreu a assinatura do Termo de Adesão de 19 municípios da região. A primeira fase foi finalizada em dezembro de 2020.

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

A segunda fase do PlanificaSUS pretende fortalecer os macroprocessos da Atenção Primária à Saúde (APS) e Atenção Ambulatorial Especializada (AAE), organizados na primeira fase, e implantar novas ações que foram suprimidas na Fase 1 em função da pandemia pela Covid-19. Essa etapa também abordará processos não previstos anteriormente, como o autocuidado apoiado, cuidados continuados e paliativos, segurança do paciente e os da vigilância em saúde.

O programa terá sua continuidade no triênio 2021-2023, com o objetivo de implantar a metodologia de Planificação da Atenção à Saúde (PAS), proposta pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass).

Em razão dos protocolos sanitários exigidos durante a pandemia pela Covid-19, o evento acontecerá de forma híbrida, mas contará com a participação presencial dos 19 secretários Municipais de Saúde da Região de Saúde Sul Mato-grossense; do presidente do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde (Cosems-MT), Marco Antônio Norberto; da Assessora do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), Maria José Evangelista; de representantes do Ministério da Saúde; do Coordenador Nacional do PlanificaSUS (Hospital Israelita Albert Einstein), Márcio Paresque; da Diretora do Escritório Regional de Saúde de Rondonópolis, Marilza Nascimento; e de representantes do Grupo Condutor do PlanificaSUS, coordenado pela servidora Regina Amorim.

Importância do PlanificaSUS

A Planificação da Atenção à Saúde é uma proposta teórica metodológica elaborada pelo Conass com o objetivo de apoiar as equipes técnicas e gerenciais dos Estados e Municípios na implantação das Redes de Atenção à Saúde, pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Esse programa permite desenvolver a competência das equipes para o planejamento e a organização da Atenção à Saúde, com foco nas necessidades dos usuários, baseando-se em diretrizes clínicas, de acordo com o Modelo de Atenção às Condições Crônicas (MACC).

Resultados da 1ª fase

Durante os anos de 2019 e 2020, foi realizado o Curso de formação em ensino à distância e semipresencial, para formação de Facilitadores e Tutores do PlanificaSUS, desenvolvido e certificado pela área de ensino e pesquisa do Hospital Israelita Albert Einstein.

Neste curso, foram capacitados 77 facilitadores e 31 tutores dos municípios da região de saúde; realizados quatro workshops em formato presencial nos 19 municípios da região, com a capacitação de mais de dois mil profissionais de saúde da Atenção Primária e da Atenção Ambulatorial Especializada; oito Oficinas Tutoriais nas Unidades Básicas de Saúde dos 19 municípios da região e na Unidade Laboratório em Rondonópolis, com índice de desempenho de 99%.

Também foram realizadas oficinas tutoriais virtuais específicas, visando apoiar as unidades na organização dos serviços frente à pandemia e realizar o monitoramento das ações que já estavam sendo executadas.

search