Dollar R$ 5,17 Euro R$ 5,61
Dollar R$ 5,17 Euro R$ 5,61

Brasil Quinta-feira, 29 de Dezembro de 2022, 18:15 - A | A

Quinta-feira, 29 de Dezembro de 2022, 18h:15 - A | A

PERFIL

Lula anuncia general da reserva Marco Edson Gonçalves Dias para chefia do GSI

g1

O presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), anunciou nesta quinta-feira (29) que o general da reserva Marco Edson Gonçalves Dias, conhecido como "G.Dias", será o futuro ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI).

O GSI continuará a ter status de ministério no novo governo Lula. A pasta vai ficar no Palácio do Planalto e se reportará diretamente ao presidente.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

O GSI é responsável pela coordenação da área de inteligência do governo. Cabe ao GSI, por exemplo, acompanhar questões com "potencial de risco" à estabilidade institucional, fazer a segurança pessoal do presidente da República e prevenir crises.

Atualmente, a Agência Brasileira de Inteligência (Abin) está ligada ao GSI. Ainda não está claro onde ficará a agência no governo Lula: se dentro do GSI ou de outro ministério ou se reportando diretamente a Lula.

Perfil
 
- Marco Edson Gonçalves Dias é natural de Americana (SP).
- Ele entrou para o Exército em 1969, por meio da Escola Preparatória de Cadetes do Exército.
- Cursou a Escola de Aperfeiçoamento de Oficiais em 1986 e a Escola de Comando e Estado Maior do Exército em 1994.
- Chegou a ocupar o cargo de Comandante da Sexta Região Militar e a comandar o 19° Batalhão de Infantaria Motorizado.
- Foi alçado ao cargo de general e, atualmente, está na reserva (como os militares chamam a sua aposentadoria).
- Dentro do governo, já foi Secretário de Segurança da Presidência da República do governo Lula e chefe da Coordenadoria de Segurança Institucional da ex-presidente Dilma Rousseff (PT).

search