Dollar R$ 5,11 Euro R$ 5,55
Dollar R$ 5,11 Euro R$ 5,55

Boca Miúda Segunda-feira, 18 de Março de 2024, 08:03 - A | A

Segunda-feira, 18 de Março de 2024, 08h:03 - A | A

LUTO NA POLÍTICA

Políticos de MT lamentam morte do ex-deputado Romoaldo Júnior

Da Redação

Redação | Estadão Mato Grosso

O falecimento do ex-deputado estadual Romoaldo Júnior (MDB) na tarde deste domingo, 17 de março, em Cuiabá, gerou uma onda de pesar entre políticos e autoridades de Mato Grosso. Romoaldo estava internado desde quinta-feira, 14, na UTI do hospital Amecor, após sofrer um AVC hemorrágico.

O governador Mauro Mendes (União) e a primeira-dama Virginia Mendes manifestaram seu pesar em nota, destacando a importância de Romoaldo na política do estado.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

"Com muita tristeza, recebemos hoje a notícia do falecimento do ex-deputado Romoaldo, um homem com muita história na política mato-grossense. Pedimos que Deus possa consolar todos os amigos e familiares neste momento de profunda dor".

O secretário-chefe da Casa Civil, Fábio Garcia, também expressou sua tristeza pela perda.

"Com muita tristeza, recebi hoje a notícia sobre o falecimento do nosso colega e ex-deputado Romoaldo, uma importante figura política de Mato Grosso, sobretudo da região Norte. Que Deus possa confortar o coração dos amigos e familiares".

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (União), emitiu uma nota de pesar, destacando a importância de Romoaldo para a política do estado.

"É uma tristeza muito grande, uma perda inestimável. Prestamos condolências à esposa e filhos, em nome da Casa de Leis. Que Deus conforme o coração dos familiares e amigos enlutados”.

O presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE), conselheiro Sérgio Ricardo, também lamentou a morte do ex-deputado, destacando seu legado e serviços prestados a Mato Grosso.

“Romoaldo Júnior foi um grande servidor para Mato Grosso. Deixa um legado de serviços prestados. Fomos deputados juntos na Assembleia Legislativa e recebi a notícia com muita tristeza. Que Deus conforte o coração dos familiares e amigos neste momento de dor".

A deputada estadual Janaina Riva (MDB) compartilhou memórias afetuosas do ex-deputado, ressaltando sua generosidade e importância na política estadual.

"Você foi grande, amou e foi amado, era humano e de coração que não cabia dentro desse peito. Tio Romualdo, Gordo, mumu... vai com Deus! Estou triste por não ter tido a oportunidade de me despedir como gostaria".

Outros parlamentares também se pronunciaram, destacando a trajetória política e a convivência com Romoaldo. O deputado Max Russi (PSB) lembrou do tempo em que conviveu com Romoaldo na Assembleia.

"Com muita tristeza, recebo a notícia do falecimento do ex-deputado estadual Romoaldo. Tive a oportunidade de tê-lo como colega de parlamento em minha primeira legislatura. Além de um grande político, era uma pessoa muito querida por todos", destacou Max Russi (PSB).

"Romoaldo Júnior foi um grande político e tive a satisfação de poder trabalhar junto com este entusiasta da política mato-grossense", disse Dilmar Dal Bosco (União).

search