Dollar R$ 5,57 Euro R$ 6,07
Dollar R$ 5,57 Euro R$ 6,07

Variedades Quinta-feira, 04 de Novembro de 2021, 06:30 - A | A

Quinta-feira, 04 de Novembro de 2021, 06h:30 - A | A

PRODUÇÃO MÚSICAL

Período pandêmico incentiva músicos a lançarem trabalhos autorais

Além dos editais de incentivo à cultura, houve também quem tenha procurado serviços de forma independente para tirar projetos do papel

Mirella Duarte | Assessoria de Imprensa

Foi perceptível o aumento de produções musicais no período de pandemia. Com os profissionais do ramo cultural isolados, sem giros de eventos durante dois anos e com forte movimento das lives, as gravações se tornaram aliadas para o crescimento do trabalho autoral e independente em Mato Grosso.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

Segundo o artista e produtor Billy Espíndola, que também é proprietário do Espaço TOMA, estúdio que tem experiência em atender artistas de todos os gêneros e lançar novas bandas, o crescimento das gravações foi maior que 70%, se comparado ao mesmo período do ano de 2019, antes do afastamento social.

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

Só no Espaço cerca de vinte produções buscaram serviços além das gravações, aulas musicais, regulagens de instrumentos e orientações de novos arranjos e composições. “Todos sofremos o impacto da pandemia, porém, esse foi um setor que cresceu muito e, por vários motivos. Acredito que além de ter salvo das tensões de quem estava sem trabalho e vida social, também foi motivo para que os artistas tirassem do papel os projetos musicais que estavam empoeirados há anos”, afirma Billy.

O lançamento dos artistas através de singles ou EPs, junto da internet e suas diversas plataformas, como YouTube e Spotify, manteve o engajamento do público que também estava preso em casa.

Entre os artistas que gravaram no estúdio do Espaço Toma e, além das canções, lançaram um clipe, está a banda Amuletos Orgânicos. O último trabalho divulgado foi “Realidade ou Fantasia”, que explora a contemporaneidade e, em clipe, mostra cenários tradicionais da cidade. “Foi interessante produzir durante esse período porque não sabíamos bem como seria a recepção de tudo e nem o resultado final, mas isso nos ajudou a nos compreendermos enquanto artistas e no quanto a música é fundamental”, revelou Vicente Magalhães, vocalista da banda.

Billy Espíndola reitera o aquecimento do setor e que com o retorno gradativo dos eventos, quem sabe, a cultura local viva um novo momento - positivo. “Isso mostra a força que os artistas tem em Mato Grosso e que, apesar das dificuldades, estão dispostos a mostrar o que eles tem feito”, completa.

Para o evidenciar alguns destes trabalhos, a coletânea Cabeça de Pacu (volume 2) deve ser lançada ainda este mês. O produtor afirma que o evento está marcado para dia 19 e 20 de novembro na Casa Cuiabana e, em breve, outras informações serão dadas nas páginas oficiais.

Serviço
Espaço Toma
Instagram: @espacotoma
Facebook: Toma Espaço Musical
Contato: 65 9 9600-9388

search