Dollar R$ 5,46 Euro R$ 5,96
Dollar R$ 5,46 Euro R$ 5,96

Polícia Quinta-feira, 17 de Dezembro de 2020, 08:37 - A | A

Quinta-feira, 17 de Dezembro de 2020, 08h:37 - A | A

REPOSTA RÁPIDA

Jovens são presos com drogas após tentarem matar idoso com tiro na cabeça

Jefferson Oliveira
Juína

Os jovens Vitor Júnior de Paula Felisbino, 18, e Caio Vinícius De Oliveira Silva, 19, foram presos na tarde de quarta-feira (16) horas depois de terem praticado uma tentativa de latrocínio contra um idoso de 78 anos, identificado como Moacir José Betão, que tem um comércio no Distrito de Fontanillas, em Juína (735 km de Cuiabá).

No período da manhã, a Polícia Militar foi acionada para atender uma situação de disparos de arma de fogo com vítima no distrito. Quando os policiais seguiam para o local do fato, encontraram uma testemunha encaminhando Moacir para a Unidade de Pronto Atendimento de Juína.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

A testemunha relatou que dois homens em uma motocicleta azul se aproximaram do estabelecimento de Moacir e o garupa sacou uma arma para matar o idoso. A vítima teria tentado correr, mas tropeçou em uma motocicleta e caiu sendo baleada em seguida. Logo após o crime, os criminosos fugiram sem levar nada do local.

O médico do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) que prestou os primeiros socorros para Moacir disse que o idoso teve um corte na cabeça, mas que era impossível identificar no momento a gravidade do ferimento.

Já no período da tarde durante as investigações, uma equipe da Polícia Civil prendeu cinco pessoas pelo crime de tráfico de drogas em Castanheira. Com os suspeitos foram encontradas 32 porções de maconha, uma porção de pasta base de cocaína, uma porção média de maconha, rádio HT, dinheiro, celulares e anotações que podem ser contabilidade do tráfico.

Os policiais encontraram primeiramente o suspeito Vitor Júnior, que estava em uma casa no bairro Santo Antônio. Com a prisão de Vitor, os policiais foram encontrando os demais suspeitos de participação do latrocínio tentado e tráfico de drogas.

Os demais presos foram, Caio, Jhonatan Gonçalves, 29, Luiz Carlos Da Silva Westphal, 18 e Ivan Paula Da Silva, de 19 anos, vulgo “psico”. Em conversa com testemunhas, estas reconheceram Vitor e Caio como autores da tentativa de latrocínio.

Após o trabalho investigativo, Vitor confessou que pilotava a motocicleta e que Caio teria sido o autor do disparo que acertou a cabeça de Moacir. Toda a droga apreendida e objetos ilícitos foram apreendidos e os criminosos deverão responder por tráfico de drogas, organização criminosa e tentativa de latrocínio.

search