Dollar R$ 5,45 Euro R$ 5,83
Dollar R$ 5,45 Euro R$ 5,83

Polícia Quinta-feira, 28 de Outubro de 2021, 10:35 - A | A

Quinta-feira, 28 de Outubro de 2021, 10h:35 - A | A

TEVE 60% DO CORPO QUEIMADO

Homem que colocou fogo em ex-namorado é preso pela Polícia Civil na zona rural de Novo Mundo

Raquel Teixeira/Policia Civil-MT

A Polícia Civil em Guarantã do Norte prendeu nesta quarta-feira, 27 de outubro, o autor do homicídio que vitimou seu ex-namorado, ocorrido no mês de setembro, na zona rural do município de Novo Mundo. A vítima sofreu queimaduras em 60% do corpo e morreu após ficar quase um mês, hospitalizada.

 - FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

Fernando Francisco das Neves Oliveira, 31 anos, ficou hospitalizado durante 24 dias com queimaduras em diversas partes do corpo. Ele foi socorrido e posteriormente encaminhado ao Hospital Regional de Colíder e depois transferido ao Hospital Municipal de Cuiabá, onde foi a óbito após sofrer uma parada cardiorrespiratória, no dia 7 de outubro. 

 - FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

Crime 

O casal tinha um relacionamento conturbado e no dia 13 de setembro, o suspeito queria que a vítima fosse embora da casa onde ambos moravam, na zona rural de Novo Mundo. Após uma discussão entre eles, o suspeito ateou fogo na residência com a vítima trancada em um quarto. Ao perceber que a casa estava em chamas, Fernando se enrolou em um colchão e conseguiu sair do local. 

Encaminhado a uma unidade de saúde, a vítima ainda conseguiu dar informações sobre o ocorrido à Polícia. Ele sofreu queimaduras na cabeça, tronco, membros superiores e inferiores, ele socorrido e encaminhado inicialmente ao hospital em Peixoto de Azevedo. 

A delegacia de Guarantã do Norte instaurou uma investigação inicial pelo crime de tentativa de homicídio. Com a morte da vítima, o suspeito, de 40 anos, passou a ser investigado por homicídio. Ele foi preso pela Polícia Civil na comunidade rural Cinco Mil. 

De acordo com o delegado que conduziu a investigação, Victor Hugo Caetano de Freitas, o autor do crime será indiciado por homicídio qualificado e foi encaminhado à Delegacia de Guarantã do Norte, e depois passará por audiência de custódia da Justiça.

search