Dollar R$ 5,47 Euro R$ 5,97
Dollar R$ 5,47 Euro R$ 5,97

Polícia Terça-feira, 01 de Dezembro de 2020, 08:42 - A | A

Terça-feira, 01 de Dezembro de 2020, 08h:42 - A | A

FLAGRANTE

Bandidos do CV-MT são presos em flagrante após furto em sítio

Jefferson Oliveira
Tangará da Serra

Cinco ladrões sendo três homens e duas mulheres foram presos em flagrante na noite desta segunda-feira (30), após praticarem um roubo em um sítio na Comunidade Taquaral na zona rural de Tangará da Serra (242 km de Cuiabá). O morador não estava no local quando os bandidos invadiram.

A Polícia Militar foi acionada por um morador da comunidade que informou que percebeu uma movimentação estranha no sítio vizinho. Ele informou aos policiais que os invasores poderiam ter roubado objetos ou animais e que tinham fugido em uma saveiro branca. Quando a equipe da Força Tática se deslocava para a comunidade encontrou com o veículo suspeito entrando na MT-343 com cinco suspeitos no veículo.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

Foi ordenado que o condutor parasse o automóvel e, durante as buscas, foram encontrados diversos objetos dentro do carro. Questionados sobre os produtos, um dos suspeitos disse que o material estava no sítio do seu tio e que pertencia a ele e que as panelas encontradas pertenciam à sua esposa, que teria um restaurante no bairro Cohab Nova.

Quando os policiais abordavam os suspeitos, o Ciosp novamente entrou em contato com os PMs e informou que o dono da propriedade rural havia denunciado o roubo. A equipe policial foi até a vítima que reconheceu os objetos furtados como sendo de sua propriedade.

O quinteto foi detido e encaminhado para a Central de Flagrantes. Na delegacia, um dos ladrões passou a dizer para os policiais que era faccionado no Comando Vermelho (CV-MT) e que não ficaria preso.

Ainda durante as ameaças, o criminoso disse que sabia onde cada policial morava e quando saísse passaria em suas casas. Já outro suspeito, ao saber que o dono do sítio representaria contra os bandidos, passou ameaçar de morte a vítima, dizendo que se ficasse preso, quando saísse da cadeia voltaria ao sítio para matá-la.

PM/MT

material apreendido

 

search