Dollar R$ 5,45 Euro R$ 5,94
Dollar R$ 5,45 Euro R$ 5,94

Esportes Quarta-feira, 09 de Dezembro de 2020, 17:29 - A | A

Quarta-feira, 09 de Dezembro de 2020, 17h:29 - A | A

LIGA DOS CAMPEÕES

PSG goleia o Istanbul com três de Neymar em jogo cheio de protestos

Jogo é marcado por protestos após episódio de racismo na terça-feira. Mbappé faz dois e também ajuda a colocar os franceses na liderança do Grupo H

GE

O PSG garantiu a primeira colocação no Grupo H da Liga dos Campeões com uma goleada inapelável sobre Istanbul Basaksehir: 5 a 1. O jogo, que aconteceria na terça-feira no Parque dos Príncipes, terminou nesta quarta em virtude da acusação de racismo contra o quarto árbitro romeno Sebastian Coltescu. Neymar, um dos símbolos ao liderar a paralisação na véspera, foi o grande nome da noite com três gols. Mbappé fez outros dois, e Topal descontou.

Noite de protestos

A ocasião pedia, e PSG e Istanbul Basaksehir dedicaram o pré-jogo ao combate ao racismo. Os jogadores vestiram uma camisa com os dizeres "não ao racismo", enquanto bandeirões nas arquibancadas do Parque dos Príncipes diziam o mesmo. Antes de a bola rolar, os atletas dos dois times ainda ajoelharam no gramado e ergueram o braço em mais um gesto de protesto, durante o hino da Liga dos Campeões.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

Só Messi pela frente...
Com o hat-trick, Neymar se tornou o primeiro jogador na história da Liga dos Campeões a marcar 20 ou mais gols por dois clubes. Foram 21 pelo Barcelona e, até aqui, 20 pelo PSG. Os 41 o fizeram ultrapassar o argentino Agüero, do Manchester City, na tabela dos maiores artilheiros sul-americanos. Messi, com 118, é o primeiro da lista. Neymar também passou a liderar a artilharia da atual Champions, com seis gols, ao lado de Rashford (Manchester United), Haaland (Borussia Dortmund) e Morata (Juventus).

Deitou e rolou

No sentido figurado, é claro! Neymar queria jogo desde cedo e acionou o seu modo imparável. A partida recomeçou aos 14 minutos do primeiro tempo, e aos 21 o craque brasileiro tirou um golaço da cartola, com caneta no marcador e finalização no ângulo. Ele fez o segundo aos 38, recebendo passe de Mbappé, e sofreu o pênalti do terceiro, convertido pelo francês. Na etapa final, fez mais um, em chute de fora da área, e participou da criação do quinto, de Mbappé, com assistência de Di María. Atuação para ninguém botar defeito.

search