Dollar R$ 5,57 Euro R$ 6,07
Dollar R$ 5,57 Euro R$ 6,07

Cidades Terça-feira, 02 de Julho de 2024, 19:06 - A | A

Terça-feira, 02 de Julho de 2024, 19h:06 - A | A

MAIS SAÚDE

Hospital Metropolitano realizou 600 cirurgias bariátricas no primeiro semestre

Também foram ofertadas 3.369 consultas com cirurgião bariátrico, além de 565 exames de endoscopia e 154 de colonoscopia

Arielly Barth | SES-MT

O Hospital Metropolitano, unidade mantida pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) em Várzea Grande, realizou 600 cirurgias bariátricas entre janeiro e junho de 2024. A unidade atua como referência para realização dos procedimentos dos pacientes bariátricos pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em Mato Grosso.

Durante o mês de junho, o Hospital Metropolitano realizou 100 procedimentos cirúrgicos na especialidade bariátrica. Além disso, durante o semestre, a unidade hospitalar fez 3.369 consultas com cirurgião bariátrico, 565 exames de endoscopia e 154 de colonoscopia, além dos demais exames necessários no procedimento.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

O secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, ressaltou o importante papel que o Hospital Metropolitano exerce no SUS em Mato Grosso, ao oferecer acompanhamento integral e de qualidade aos pacientes.

“O Hospital Metropolitano é referência no SUS em Mato Grosso na especialidade da bariátrica e tem se destacado pelo excelente desempenho. Somente no ano passado, realizamos 1.110 cirurgias bariátricas e, neste ano, já superamos a marca de 600 cirurgias. O nosso objetivo é assegurar um serviço de alta qualidade, desde o pré-operatório até o acompanhamento pós-operatório desses pacientes”, afirmou.

Os pacientes são encaminhados para o Hospital Metropolitano por meio do Sistema Estadual de Regulação (SISREG), conforme a disponibilidade de vagas.

A diretora da unidade, Cristiane de Oliveira, explicou que a unidade é responsável pelo acompanhamento do paciente desde a primeira consulta com médico cirurgião, até as demais consultas com especialistas e exames com cardiologista, pneumologista, endocrinologista, nutricionista, psicólogo e psiquiatra.

“No Hospital Metropolitano, o paciente conta com uma equipe multidisciplinar que oferece o acompanhamento integral desde o pré-operatório, essencial para a cirurgia bariátrica, até o pós-operatório. O intervalo entre a primeira consulta e a cirurgia é de aproximadamente 45 dias”, esclareceu a gestora.

Atualmente, o Hospital Metropolitano dispõe de 208 leitos, sendo 40 leitos de UTI geral, 10 leitos de UTI Covid-19 e 158 leitos de enfermarias.

Além de atuar como referência para cirurgias bariátricas, o local também oferta as especialidades de ortopedia, cirurgia geral, urologia, neurologia clínica, neurocirurgia, clínica médica, cirurgia vascular e atende demandas da covid-19.

search