Dollar R$ 5,17 Euro R$ 5,62
Dollar R$ 5,17 Euro R$ 5,62

Cidades Segunda-feira, 29 de Janeiro de 2024, 14:11 - A | A

Segunda-feira, 29 de Janeiro de 2024, 14h:11 - A | A

VIOLÊNCIA VERBAL

ÁUDIO: Suplente de deputado xinga ex-mulher de "vagabundinha" e "biscatinha"

Edilaine Claro revelou recentemente que sofreu todo tipo de violência enquanto esteve casada com Valter Miotto

Fernanda Leite

Repórter | Estadão Mato Grosso

Vazou uma discussão entre o empresário e suplente de deputado estadual Valter Miotto (MDB) e a sua ex- esposa Edilaine Claro, no qual ele expõe que traiu a sua ex-companheira, com quem foi casado por 20 anos.

Em um momento da discussão, ele diz que “não funciona mais para ela [a ex]. Tem mais de 10 anos que não funciono? Não funciona para você”.  O áudio foi divulgado divulgado pelo site PNB Online nesta segunda-feira, 29 de janeiro.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

Edilaine questiona sobre uma suposta traição: “você me usava e me traía, e eu ficava chorando. Eu te respeitei”.  

Valter continua uma série de xingamentos: “Vagabunda, vem querer gozar ‘meu coisa’, não funciona com você vagabunda, mas funciona com outra mulher. Não temos mais nada, já acabou a campanha, sua vagabundinha e biscatinha véia”.  

Há alguns dias, uma briga judicial do casal foi exposta na mídia e a ex-mulher contou que sofreu maus tratos durante todo seu casamento. Edilaine Claro revelou detalhes de sua convivência com o ex e afirmou ter sofrido todos os tipos de violência, incluindo agressão financeira, psicológica, emocional e física.

Recentemente, a Justiça determinou que ela saísse de casa. A defesa dela conseguiu, por enquanto, medidas protetivas contra seu ex. 

VEJA OS VÍDEOS: 

 

search