Dollar R$ 5,45 Euro R$ 5,86
Dollar R$ 5,45 Euro R$ 5,86

Política Terça-feira, 16 de Novembro de 2021, 12:15 - A | A

Terça-feira, 16 de Novembro de 2021, 12h:15 - A | A

REDUÇÃO NO REPASSE

Nova lei do Feef impõe déficit anual de R$ 300 mil a Hospital Geral, diz diretora

Jefferson Oliveira

Repórter | Estadão Mato Grosso

Flavia Galindo, diretora do Hospital Geral de Cuiabá, buscou na semana passada a Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa, pedindo que os deputados revejam os valores de repasse do Fundo Estadual de Estabilização da Saúde (FEEF) aprovado em outubro na Lei 964/2021.

Com a aprovação, o Hospital Geral passará a receber 21% do repasse, uma redução frente aos 25% que recebia até então. Segundo a diretora, a redução vai impactar a folha com um déficit de R$ 25 mil mensais.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

A redução no repasse do Hospital Geral se deu para que o Lions da Visão tivesse incrementada a receita da mesma fonte. A unidade recebia 3% de repasse e, após a aprovação da lei, terá a receita dobrada.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

Para garantir a revisão, a diretora argumentou que o Hospital Geral é responsável por 28% dos atendimentos realizados por hospitais filantrópicos a pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS). Já quando se fala em atendimento a pacientes de alta complexidade, a unidade de saúde assume 82% dos atendimentos.

O vice-presidente da Comissão de Saúde, deputado estadual Doutor Gimenez (PV), pediu que a diretora encaminhasse um relatório com custos e receitas da unidade hospitalar para que os deputados possam avaliar uma solução para que os atendimentos não sejam prejudicados.

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso canal no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

search