Dollar R$ 5,12 Euro R$ 5,56
Dollar R$ 5,12 Euro R$ 5,56

Política Terça-feira, 20 de Dezembro de 2022, 20:00 - A | A

Terça-feira, 20 de Dezembro de 2022, 20h:00 - A | A

PRIMEIRO ESCALÃO

Governador anuncia secretários da nova gestão na próxima semana

Rafael Machado

Repórter | Estadão Mato Grosso

O governador Mauro Mendes (União) revelou que anunciará na próxima semana, dia 30 de dezembro, os nomes dos novos secretários ou aqueles que devem permanecer no staff em seu segundo mandato como chefe do Poder Executivo.

Nos últimos quatro anos, Mauro fez pouquíssimas mudanças em seu primeiro escalão. As substituições recentes ocorreram com a volta de Mauro Carvalho, que foi eleito primeiro-suplente na chapa de Wellington Fagundes (PL), para Casa Civil e, consequentemente, o retorno de Rogério Gallo para a Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz).

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

“Eu tenho uma grande novidade para vocês. Dia 30 eu anuncio”, disse em entrevista à imprensa após a posse da nova diretoria do Tribunal de Justiça de Mato Grosso.

Ele comentou que fará uma avaliação dos partidos que compuseram seu arco de alianças na chapa de reeleição, além de conversar com os atuais gestores, para tomar uma decisão e escolher os nomes que devem participar do governo.

Algumas siglas já anunciaram que querem espaço. O presidente do PSB em Mato Grosso, deputado Max Russi, comunicou que o partido tem interesse em uma cadeira no primeiro escalão, além do MDB que, atualmente está no comando da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar, e quer permanecer no governo.

“A boa política no final traz resultado para o cidadão, para a sociedade, os poderes satisfeitos, todo mundo satisfeito, inclusive, o Legislativo ganhou muito com isso, então, nós vamos continuar mantendo muito nessa linha. Uma avaliação política é feita, claro, com parceiros que ajudam e que têm peso, mas não tem nenhuma decisão tomada com relação a isso”, destacou.

“Todo mundo sabe quem está performando bem, quem tem algum problema pessoal, alguém que talvez queira deixar, quatro anos é cansativo, exaustivo, essa semana eu vou conversar com a maioria deles e na semana que vem teremos decisões”, complementou.

A posse dos novos secretários vai acontecer no dia 1° de janeiro de 2023, depois da posse de Mauro Mendes, no Palácio Paiaguás.

search