Dollar R$ 5,15 Euro R$ 5,60
Dollar R$ 5,15 Euro R$ 5,60

Polícia Quarta-feira, 15 de Maio de 2024, 12:44 - A | A

Quarta-feira, 15 de Maio de 2024, 12h:44 - A | A

CASO LUCAS VELOSO

Inquérito conclui que houve crime militar na morte de aluno do Bombeiros

Thiago Portes

Repórter | Estadão Mato Grosso

O inquérito sobre a morte do aluno do Corpo de Bombeiros, Lucas Veloso Peres, concluiu que houve crime militar de três bombeiros investigados. O Corpo de Bombeiros encaminhou nesta quarta-feira, 15 de maio, o inquérito à 11ª Vara Criminal Especializada de Justiça Militar Estadual.

O caso, que tramita em sigilo, passa a ser conduzido agora pelo Ministério Público Estadual.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

Lucas Veloso Peres, de 27 anos, morreu afogado no dia 27 de fevereiro, enquanto participava da aula de salvamento aquático na Lagoa Trevisan, em Cuiabá, uma parte do curso de formação de soldados.

Após a morte de Lucas, a Assembleia Legislativa (ALMT) aprovou por unanimidade, o projeto de lei nº 360/2024, que obriga o registro audiovisual dos treinamentos do Corpo de Bombeiros e das Polícias Militar e Civil. O texto também torna obrigatória a presença de ambulância nos locais de treinamento.

search