Dollar R$ 5,58 Euro R$ 6,09
Dollar R$ 5,58 Euro R$ 6,09

Polícia Quarta-feira, 25 de Novembro de 2020, 15:44 - A | A

Quarta-feira, 25 de Novembro de 2020, 15h:44 - A | A

"AUDACIOSO"

Entrevistadores denunciam suposto assessor de Wellaton por ameaça

Rafael Machado

Funcionários da Percent Pesquisas de Mercado e Opinião, empresa de pesquisa, registraram um boletim de ocorrência contra um suposto assessor do vereador de Cuiabá e candidato a vice-prefeito, Felipe Wellaton (Cidadania), por tentar "tomar" material de pesquisa e agressão verbal.

No boletim de ocorrência, a entrevistadora da empresa relatou que estava realizando coleta de dados com eleitores do bairro Cidade Verde, em Cuiabá, quando foi abordada por um rapaz que se apresentou para ser entrevistado.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

Ela conta que no início do diálogo, o homem pediu que entregasse o material e ela recusou alegando que o documento é de uma empresa privada e confidencial, "e seria seu trabalho para o ganha pão e sustento da sua família". Ela pediu que ele entrasse em contato com a empresa para maiores esclarecimentos.

Diante da recusa, o rapaz teria se identificado como assessor do candidato a vice-prefeito de Cuiabá, Felipe Wellaton, e ainda acusou a entrevistadora de estar induzindo os eleitores e que iria pegar o material que estava nas mãos dela.

Ela ainda relatou que o rapaz informou que teria o telefone do candidato e que iria ligar pra ele para denunciá-la. A entrevistadora perguntou o nome dele para repassar à administração da empresa, para esclarecer que não havia nenhuma indução.

O rapaz se identificou e passou o número de telefone para que a diretoria da empresa ligasse. Logo após, a entrevistadora alega que pediu um Uber e saiu do bairro em direção a outro, sendo que, quando chegou no local o rapaz estava a seguindo e ameaçando que iria "tomar" o material.

Um funcionário da diretoria da empresa ligou para o suposto assessor do candidato esclarecendo que o material é privado e de propriedade da empresa, mas ele conta que foi agredido verbalmente.

Outro lado - Felipe Wellaton disse que tomou conhecimento dos fatos e lamentou o episódio esclarecendo que o acusado relatado pelas vítimas não é seu assessor.

Veja a nota na íntegra:

O vereador e vice-candidato à prefeitura de Cuiabá Felipe Wellaton (Cidadania) tomou conhecimento de um Boletim de Ocorrência registrado por uma entrevistadora do Instituto Percent Pesquisa. Segundo o BO, ela teria sido agredida verbalmente por um cidadão que se identificou como  assessor de Wellaton.

Wellaton lamenta o fato de alguém usar o  seu nome para agredir uma mulher que dignamente fazia o seu trabalho e reforça que não tem e nunca teve um assessor chamado Adivilson.

search