Dollar R$ 5,38 Euro R$ 5,76
Dollar R$ 5,38 Euro R$ 5,76

Polícia Quarta-feira, 28 de Dezembro de 2022, 10:16 - A | A

Quarta-feira, 28 de Dezembro de 2022, 10h:16 - A | A

NÃO CONHECIAM A VÍTIMA

Dupla foi contratada para matar empresário do Shopping Popular em Cuiabá

Da Redação

Redação | Estadão Mato Grosso

A Polícia Civil concluiu o inquérito e a investigação aponta que os acusados de matar o empresário Josionaldo Ferreira de Araújo, no Shopping Popular de Cuiabá, foram contratados para cometer o crime. Bruno Fernandes de Souza Costa e Wenderson Santos Souza não conheciam a vítima e a executaram no dia 19 de dezembro deste ano. As informações foram apuradas em depoimento com Bruno. Wenderson morreu durante confronto com a polícia no dia do crime.

Bruno foi indiciado por homicídio qualificado por mortivo torpe, dificultar o acesso de defesa à vítima e perigo comum, quando outras pessoas são expostas ao risco.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

- FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)

O delegado responsável pela investigação, Marcel Gomes de Oliveira, mencionou no inquérito que Bruno e Wanderson agiram como clientes e chegaram a conversar com a vítima.

Após algum tempo dentro da loja, Bruno chamou por Josionaldo e, quando a vítima se virou, disparou contra a cabeça do empresário. Para garantir o serviço, Bruno atira outras cinco vezes.

O inquérito será encaminhado ao Ministério Público de Mato Grosso (MPMT).

search